quinta-feira, 31 de março de 2016

Você Nunca Vai Ler Mesmo...


Nosso único encontro... 
Foi em um lugar 
Que já nem existe mais. 
Parece que foi arrancado de lá, 
Como se nunca tivesse estado ali. 
Como se aquela noite nunca houvesse acontecido, 
Como se fosse apenas um sonho. 
Em que você observou que éramos da mesma altura... 
Como se isso realmente importasse... 
Eu não ligava pra isso, mas você sim. 
E só assim entendi, 
Que eu o queria, de fato, 
Enquanto você... 
Bem, não tinha tanta certeza a respeito. 
São tantas opções, não é? 
Para quê se prender a algo que não sabe se quer mesmo? 
Ninguém quer mais simplesmente sentir... 
Se entregar. 
O que querem, na verdade, é avaliar o todo 
Para ver se serve... 
Para ver se seus interesses serão supridos nessa relação.
E pensar que você tinha as notas que eu sempre quis ouvir...

Denise Carvalho. (D. C.)







terça-feira, 8 de março de 2016

Enquanto É Hoje...


Busquei inspiração,
Em um dia em que nada me ocorria...
Tentava te sentir
Mesmo de longe,
Mas não foi possível.
Melhor deixar pra lá,
Deixo que vá e sejas feliz.
Melhor agora,
Atentar-me a outra temática...
A da força, luta, delicadeza,
Prestatividade,
Sensibilidade,
E tantas outras peculiaridades
Que já são notáveis por si só.
Ser mulher não é nenhum pouco simples,
Requer esforços,
Requer saber lidar com dezenas,
Centenas de coisas ao mesmo tempo...
Ninguém disse que seria fácil,
A luta continua,
Precisa-se de fé e força para desbravar o adiante.
Feliz dia!

Denise Carvalho (D. C.)

Banda do Mar - Dia Clarear